Cuidado com alto nível de Triglicérides

Triglicérides, ou triglicerídeos, são a reserva de energia do corpo humano. Eles têm a função de fornecer “combustível” para os músculos. Quando os triglicérides não são usados como forma de energia, passam a ser armazenados no tecido adiposo, como gordura, ligando então um alerta de que é necessário cuidado com o alto nível de triglicérides no organismo.

Os triglicérides entram no organismo de duas formas, pela alimentação e pela produção do próprio corpo. Assim como o colesterol, todos temos triglicérides e não há problema com isso, pelo contrário, mas em quantidades muito altas, os triglicérides estão relacionados a um maior risco cardiovascular, obesidade, esteatose hepática (gordura no fígado) e pancreatite, dentre outros.

Causas

O triglicérides no organismo é obtido de duas formas, pela alimentação e pela produção do próprio corpo.

Alimentação: ele está disponível nos alimentos ricos em carboidratos simples (açúcar, farinha branca etc.) e nos gordurosos – principalmente de origem animal, como carnes, leite integral e queijos amarelos.

Falta de exercícios físicos: Quando a pessoa consome diversos destes alimentos e não pratica atividade física, ela pode ter os seus triglicérides aumentados. Isso porque durante os exercícios o corpo busca energia para continuar os movimentos, que são encontradas nos triglicérides, o que diminuiu a circulação dele no sangue.

Genética: Além destes casos, também é possível que o paciente tenha uma alteração genética que faz com que os seus níveis de triglicérides permaneçam altos, mesmo com uma alimentação correta e rotina de exercícios, conhecida como hipertrigliceridermia familiar.

Sintomas

Pessoas com hipertrigliceridermia, ou triglicérides alto, não possuem sintomas. A única forma de descobrir se há algo errado com os seus níveis de triglicérides é fazendo um exame de sangue.

Pacientes com taxas de triglicérides muito altas, normalmente nos casos genéticos, podem apresentar xantomas – que são placas de gordura (quase verrugas) amareladas que ficam posicionadas em áreas de dobras, como pálpebras e cotovelos.

Como controlar o triglicérides?

Quando a pessoa tem a taxa de triglicérides de até 200 mg por 100 ml de sangue, normalmente se consegue tratar a hipertrigliceridermia apenas ajustando os hábitos de vida, ou seja, com uma dieta melhor, reduzindo o consumo de álcool e praticando atividade física.

Entre 250 e 300, alguns médicos podem tentar abaixar a quantidade de triglicérides circulantes no sangue apenas com o estilo de vida, dependendo da situação clínica de cada paciente. Acima disso são utilizados remédios, conhecidos como fibratos.

Quando o quadro de triglicérides alto está relacionado a outras condições de saúde, como o hipotireoidismo e o diabetes descontrolado, tratando a doença se resolve o problema com os triglicérides.

No caso de hipertrigliceridermia familiar, ou seja, quando o nível de triglicérides alto é genético, a pessoa precisará fazer uso de remédios para o resto da vida para conter os seus níveis no sangue.

Ressaltando que em todos os casos a mudança de estilo de vida, ou seja, adequação da dieta e prática constante de atividades físicas, fazem parte do tratamento e não devem ser excluídas.

Prevenção

A principal forma de prevenir a hipertrigliceridermia (triglicérides alto) é:

  • Cuidando da alimentação
  • Praticando atividades físicas
  • Evitando o consumo de álcool.

A alimentação deve ter mais frutas, legumes e verduras, menos carboidratos, frituras e alimentos ricos em gordura animal, como carne vermelha, leites integrais e queijos amarelos. Também é importante dar preferência para carboidratos integrais (arroz, farinha, pães, massas etc.) e consumi-los com moderação.

Já em casos em que o problema tem causa genética, não é possível prevenir que ele apareça, mas sim ajudar a controla-lo tendo uma vida saudável e fazendo uso das medicações de forma adequada.

Cuidado com a saúde é uma prioridade, continue acompanhando nosso blog e fique por dentro de várias dicas!

Outros artigos interessantes

Exame RT-PCR

Exame RT-PCR

Você com certeza conhece alguém ou já precisou fazer um teste para detectar o COVID-19, mas você sabia que existe um...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em Contato

carloschagas@carloschagasaraxa.com.br

Instagram
@carloschagas.araxa

Instituto de Patologia Carlos Chagas
Rua Capitão José Porfírio, 251 . Centro - Araxá-MG
(34) 3661-2899

Posto de Coleta Cardioclínica
Rua Antônio Alves da Costa, 65 . São Pedro - Araxá – MG
(34) 3662-2240

Posto de Coleta Emiliana Alves de Rezende
Av. Geraldo Tomaz de Aquino, 228 . Tapira – MG
(34)3633-1441

Posto de Coleta Santo Antônio
Av. Wilson Borges,755 . Santo Antônio - Araxá – MG
(34)3662-9515

Urgência 24 Horas: (34) 98826-1999

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta:
06:00 às 18:00h

Sábados
07:00 às 12:00h

Localização

Compartilhe!